Governo de Minas capacita gestores municipais com conteúdo sobre energia fotovoltaica

Foto: AdobeStock

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) realizará nos dias 20 e 21 de junho, de forma gratuita, a segunda capacitação de gestores municipais do projeto Estratégico Sol de Minas. O período de inscrição está aberto e os membros da administração pública dos municípios interessados têm até o dia 17 de junho para confirmar a participação.

A capacitação é uma oportunidade de trocar experiências sobre o setor de geração de energia fotovoltaica e conta com palestras de órgãos referência no assunto, como a Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (Indi), a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), a Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam) e do Banco do Nordeste. Entre cada apresentação existirá um espaço de 15 a 20 minutos para dúvidas e perguntas.

A novidade desta segunda edição é a palestra sobre financiamento do BDMG, que concederá linhas de financiamento especiais aos municípios mineiros com o projeto BDMG Cidades Sustentáveis, que inclui financiamento para empreendimentos de energias renováveis, como a solar fotovoltaica.

Prefeituras como autoprodutoras de energia solar

Um dos objetivos específicos do projeto Sol de Minas é a capacitação de gestores municipais mineiros para que compreendam a importância e as possibilidades que a energia solar fotovoltaica pode proporcionar aos seus municípios. 

De acordo com o diretor de Energia da Sede, Pedro Sena, dados compilados e fornecidos pela ANEEL evidenciam que as administrações públicas respondem por uma parcela muito pequena na geração de energia desse tipo. “Logo, existe uma oportunidade para que as prefeituras implementem empreendimentos para geração de energia solar, seja em prédios públicos como escolas e hospitais, seja construindo pequenas usinas, o que se traduz em geração de energia limpa, renovável e de baixo custo, possibilitando que a economia no consumo possa ser destinada a outros setores prioritários de acordo com a realidade de cada município”, exemplifica Pedro.

Além de promover a iniciativa para que as prefeituras se tornem autoprodutoras de energia solar fotovoltaica, a capacitação visa ajudar os gestores municipais a melhorar o ambiente de negócio dos municípios para atrair empresas interessadas em utilizar a energia solar fotovoltaica como solução para seus negócios. Dessa forma, empregos diretos e indiretos são gerados, juntamente com renda, elevando o bem-estar da população.

Minas Gerais no setor de energia solar fotovoltaica

Em linha com o objetivo principal do Projeto Sol de Minas, a iniciativa da capacitação visa alavancar o protagonismo de Minas Gerais no setor de energia solar fotovoltaica. De acordo com a Aneel, sozinho, o Estado responde por 18% de toda a energia solar fotovoltaica gerada na modalidade geração distribuída no Brasil. Atualmente, 843 dos seus 853 municípios possuem módulos fotovoltaicos em operação, o que corresponde a 98,82%. Considerando empreendimentos em operação de Geração Centralizada (GC) e Geração Distribuída (GD), o Estado é líder no país com cerca de 1.530 MW de potência instalada.

Assim como na primeira Capacitação de Gestores Municipais ocorrida em outubro de 2020, a expectativa é que o evento gere planos de ação por parte dos gestores municipais, os quais receberão apoio e orientação por parte da Sede no que for necessário para a sua execução.

Clique aqui e faça sua inscrição no curso.

Fonte: ASCOM Sede

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *