Agência RMBH apresenta projetos e novo estudo da Matriz Origem-Destino ao Comitê Técnico de Mobilidade

Comitê Técnico de Mobilidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte (CTMob), gerenciado pela Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (Agência RMBH), realizou a segunda reunião deste ano na última quinta-feira (29/4), em formato online. O encontro contou com expressiva participação de entidades metropolitanas, especialistas da área de mobilidade, representantes dos poderes Executivo e Legislativo, da sociedade civil e empresariado.

Na ocasião, a diretora-geral da Agência RMBH, Mila Corrêa da Costa, abriu o concílio explanando sobre a importância do CTMob. O diretor de Planejamento Metropolitano, Charliston Moreira, ressaltou o caráter aberto do Comitê. Em seguida, o consultor da Companhia Telefônica Vivo, Luiz Norberto Branquinho, que realiza o trabalho em parceria com a equipe da diretoria de Planejamento Metropolitano da Agência RMBH e da Subsecretaria de Transportes e Mobilidade da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), apresentou a metodologia para realização da Matriz Origem-Destino de Viagens com dados de telefonia móvel e seus respectivos resultados preliminares, amplamente discutida pelos presentes.

Posteriormente, o subsecretário de Infraestrutura e Mobilidade, Gabriel Fajardo, falou sobre o propósito da reunião. Na oportunidade, o subsecretário informou sobre esforços e diálogo traçados pelo Governo de Minas com concessionários e o que vem sendo pautado nas audiências. Declarou que a Agência RMBH é uma grande parceira da Seinfra no projeto “RMBH Fiscaliza” e divulgou as reuniões com os vetores metropolitanos, que serão realizadas para discutir a questão do Transporte Público na região metropolitana, em especial no que se refere à fiscalização e desburocratização.

“A reunião foi uma oportunidade de debatermos com os municípios, com especialistas e com a sociedade civil o que vem sendo pensado para a mobilidade em Minas Gerais, especificamente na região metropolitana. A parceria da Seinfra, com a Agência RMBH, vem avançando em prol do transporte coletivo para garantia de melhores serviços aos usuários”, enfatizou o subsecretário Gabriel Fajardo.

A empresa Systra também esteve presente no encontro e apresentou projetos de modernização relativos ao Transporte Público da Região Metropolitana de Belo Horizonte, em especial a metodologia proposta para a avaliação e hierarquização de projetos. O material está disponível para consulta, clicando aqui.

Ao final de cada tema foram realizadas discussões para subsidiar as diretrizes e próximas ações do Plano de Mobilidade da RMBH. O subsecretário da Seinfra atualizou sobre o andamento da elaboração do Termo de Cooperação entre os gestores públicos para a integração dos projetos de Mobilidade.

O diretor de Planejamento Metropolitano, Charliston Moreira, declarou que “a reunião atingiu o objetivo de discutir com a sociedade importantes produtos e etapas do plano de mobilidade metropolitano para que ele seja representativo. As discussões subsidiarão as próximas ações”.

O CTMob foi criado em 2010 para oferecer apoio técnico-consultivo à tomada de decisão do Conselho Deliberativo de Desenvolvimento Metropolitano e iniciativas diversas nas questões metropolitanas referentes à mobilidade urbana e transportes. Sua composição é primordialmente técnica e inclui representantes do poder Executivo, Legislativo, Estadual e dos vários municípios componentes da RMBH; representantes de classe de usuários e operadores dos sistemas de transporte, rodoviário e ferroviário, de carga e passageiros; academia; órgãos técnicos de classe; e entidades de participação social e da sociedade civil organizada.

Todo material referente ao Comitê Técnico de Mobilidade está disponível no site da Agência RMBH pelo link: http://www.agenciarmbh.mg.gov.br/comite-tecnico-de-mobilidade/.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *