Aerotrópole Mineira: RMBH terá fábrica de veículos elétricos em 2023

O Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, receberá as instalações da fábrica Bravo Motor Company. A franquia de veículos elétricos e packs de bateria chega à RMBH através do projeto Aeroporto Industrial, o primeiro do país. As obras terão início no segundo semestre e as operações a partir de 2023. O investimento estimado para a fase 1 do projeto, chamada de Projeto Colosso 1, é de R$ 25 bilhões.

O projeto prevê ainda aportes em outras fases e regiões de Minas Gerais, incluindo a produção de baterias de lítio. A previsão é que sejam gerados 13.813 empregos diretos e indiretos.

Foto: Pedro Gontijo / Imprensa MG

O protocolo de intenções com o Governo de Minas foi assinado na sexta-feira (5/03). Na ocasião, o governador Romeu Zema classificou o empreendimento como promissor.

“É um empreendimento que abre um cenário muito positivo para o futuro. Sabemos que, nas próximas décadas, a indústria automobilística deverá se reinventar totalmente, passando do tipo de motorização atual para motores elétricos. Vamos começar esse processo em Minas Gerais e no Brasil. Faremos tudo para que essas raízes fiquem muito consistentes e, independentemente de quem estiver aqui, que isso prospere o máximo possível. É um momento único, na minha gestão, receber algo tão inovador e que possa gerar tanta mudança positiva nesse estado que amamos tanto”, disse o governador.

O secretário de Estado adjunto de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, destacou o crescimento da economia mineira.

“Minas deu um grande avanço como uma economia cada vez mais sólida, diversificada, sustentável e promissora com as tendências do mercado global. Esse investimento é fruto do reconhecimento das diversas potencialidades que o estado tem. Começo falando do potencial tecnológico e um expressivo ecossistema de inovação”, lembrou.

Histórico

A empresa ArqBravo Group começou a operar em 2008 na Argentina. Em 2019, criou a primeira comunidade de energia de vanguarda para a produção de baterias, tetos solares e veículos, na Califórnia.

No Brasil, produz atualmente, projetos de mobilidade elétrica no Pará, com frota de 1,1 mil veículos elétricos em Belém. Em 2021, o grupo abriu CNPJ em Minas Gerais sob a razão Bravo Motor Company Brasil.

O acordo firmado com o Governo de Minas prevê a produção estimada para 2024 de 22.790 unidades de veículos e 43.750 de unidades de packs de baterias.

Aerotrópole Mineira

O Aeroporto Industrial faz parte do projeto Aerotrópole Mineira, gerenciado pela Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (Agência RMBH), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Governo de Minas Gerais (Sede), e tem como principal objetivo estabelecer uma visão inteligente de ocupação do solo com governança ambiental, infraestrutura customizada, fundada na premissa de que o crescimento econômico é impulsionado pela mobilidade de negócios de base tecnológica. A aerotrópole, definida como uma região econômica urbana centrada no aeroporto, é a manifestação física dessa premissa e constitui a base da política de diversificação econômica e para a agregação de valor da economia mineira.

O projeto Aerotrópole fortalece a logística e segurança das operações, aumenta a importância das empresas brasileiras no contexto internacional e possibilita a inserção competitiva do Estado de Minas Gerais no cenário econômico mundial.

O Aeroporto Industrial é destinado, principalmente, à instalação de empresas que tenham como foco principal a exportação de produtos manufaturados, utilizando matérias-primas importadas em seu processo produtivo. Ao manufaturar seus produtos dentro do Aeroporto Industrial, as empresas terão os benefícios das isenções fiscais quando exportarem seus produtos acabados. Além disso, terão a facilidade de importar matérias-primas e exportar sua produção utilizando o modal aéreo para acessar mercados internacionais e nacionais de forma rápida, eliminando o custo e o risco com o transporte rodoviário em seus processos logísticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *